sexta-feira, 2 de julho de 2010

Insubstituível

      Esse texto foi escrito algum tempo depois que um grande amigo meu teve que ir para a África,  em missão evangelizadora, porque este é o seu trabalho, por ser Diácono da Igreja Católica. Deixou muita saudade na comunidade onde moro, e sempre será lembrado por seu trabalho de doação, dedicado aos  menos favorecidos. No Natal daquele ano, sem o Vito, era assim que ele era chamado, a saudade apertou e nasceu este texto. Hoje, fazendo uma varredura no meu computador, encontrei estas palavras, que enviei para ele naquele ocasião. Achei o texto bonito e resolvi publicar.

        Ninguém é insubstituível, diz a sabedoria popular. Eu acredito nisso, mas de forma diferente. Creio que a vida vai continuar, de qualquer modo, com ou sem você e que o roteiro dos acontecimentos serão cumpridos do jeito que deve ser, porém, não com o mesmo brilho. 
Na semente que você plantou, nós te vemos nos frutos, na música que você cantou, ouvimos a tua voz, as palavras que você falou, ecoam ainda em nossos ouvidos; a ausência ainda não conseguiu acabar com a sua presença.
        O que eu penso dessa máxima popular é que, ninguém é insubstituível, mas também não é igual, você é único e do seu jeito só acontecerá novamente, se um dia você voltar.
Meu irmão, meu amigo, meu companheiro de caminhada, até hoje não te escrevi porque as palavras me faltaram. O que dizer pra você, era o que eu me perguntava, porque também nossos diálogos com palavras foram poucos. Nossos corações, nossas atitudes, nossas ações, olhares, risos, emoções, sempre foram o nosso meio de comunicação, e continua sendo, por isso é difícil encontrar palavras para te escrever. Eu poderia até fazer uma busca no Googles, e encontrar textos bonitos, mas não seria verdade; não era eu escrevendo pra você.
      Como hoje é uma data muito importante para muita gente, como hoje recebemos cartas, telefonemas, mensagens, de pessoas até que não víamos a muito tempo, resolvi redigir esse texto, que saiu do meu coração, porque só hoje ele resolveu falar, só hoje eu me dei conta de que não te vejo a muito tempo.
Porque hoje é o aniversário do nascimento de Jesus. 
Quero te parabenizar pela divulgação que você faz Dele, não somente hoje, mas em todos os dias da sua vida. 
      Felicidade, muitos anos de vida, saúde, paz é o que todos desejam nesta data, e eu não sou diferente, também peço a Deus isso pra você e sendo um pouco  "chato" com Ele,  peço pelo se retorno. Você já está demorando demais nessa viagem pela África.
Ontem na missa eu cantei "Vamos cantar parabéns pra Jesus, nos abraçar, parabéns pra Jesus...", e no meu coração eu cantei, parabéns pra você.

2 comentários:

PLATÃO disse...

Caro Gilson, foi muito comovente esse seu lamento. Não ter palavras faladas pode até ser, mas escreveu tão bem que acabou me convencendo. Falando ou escrevendo pouco acabou cantando. É assim mesmo. Quando queremos nos comunicamos de qualquer maneira.
Gosto como escreve, mais obvio e rápido. Você tem talento. O jovem se foi e já temos outro com que nos ocupar. O mundo é como um oceano, fluido mas denso, com ondinhas, correntes e feras e belezas inenarráveis. Como você vê, poderá escrever, muito ainda. Escrever é necessário, falar, não é necessário.

dayane disse...

lindo o texto,vc sempre diz coisas lindas,sempre sabe o momento de agir,falar,se espressar.. "guito" como chamo o "vitor"tambem como em sua vida,ele tambem trasfomou a minha.desde criança ele sempre esteve ao meu lado e de minha familia,sempre que precisavamos de ajuda ele sempre estava ali pro que der e vier,com direito a subir na carcunda dele e brincar de cavalinho.
hoje ja vou fazer 21 anos e não me envergonho de falar tal coisa que foi tão importante em minha infância.SEI que ela nao está mas aqui pessoalmente,mas sei que está no coração de cada um que soube aproveitar a grandeza de sua amizade,que como até hoje nao exige nada em troca além do amor.lembro como se fosse hoje,o dia em que ele passou em minha casa pra buscar minha famila pra um passei na cachoeira,fomos todos
passamos um dia inteiro juntos,almoçamos com direito a sorvete de sobemesa rsrsr.
É guito faz muita falta.MAS agradeço a DEUS todos os dias pela alegria de ter conhecido esse grande amigo "GUITO" E tambem por ter colacado essa pessoa maravilhosa que escreveu este texto em minha vida.
GILSON te amo muito